Acessar App StoreAcessar Google Play

Um clique que pode te ajudar nas escolhas certas na hora de PERDER PESO!


Aquela famosa e conhecida frase “comer menos, se exercitar mais”, se faz presente na cabeça de todos aqueles que querem emagrecer, principalmente quando está chegando o verão. De fato, a fórmula mágica que todos esperam para ter uma perda de peso saudável e que seja sustentada em longo prazo deve ser pautada nessas mudanças. Entretanto, algumas pequenas modificações adquiridas no dia-a-dia podem ajudar também neste processo, enquanto que outras podem prejudicar e muito!!!

Já ouviu falar em algumas daquelas artimanhas capazes de promoverem a perda de peso rápida? São utilizadas como maneiras fáceis para uma perda de peso. De fato, alguns hábitos não possuem comprovação científica, alguns podem ser úteis e outros muito prejudiciais a saúde. É por isso que a consulta com um nutricionista é fundamental para que sua dieta seja suficientemente equilibrada e adequada. Aqui vão algumas dicas importantes do que é mito ou verdade sobre a perda de peso.

Beber apenas líquidos

MITO: Ingerir apenas líquido e comer pouco ou nenhuma alimento sólido é uma verdadeira bobagem. É claro que você vai perder peso bebendo apenas líquidos. Entretanto, é uma atitude muita arriscada que pode comprometer o funcionamento do seu organismo. Isso porque as quantidades adequadas de nutrientes, vitaminas e minerais  para manter o seu bom funcionamento não são supridas.  A falta de nutrientes podem conduzir a diversos efeitos colaterais, como dores de cabeça, indisposição, fraqueza e dificuldade de se concentrar nos estudos e no trabalho. Ou seja, seu rendimento irá diminuir em todos os aspectos, seja no exercício físico ou em atividades mentais.

Além disso, você não vai conseguir passar o resto da sua vida apenas ingerindo líquidos. Desta forma, quando você voltar a ingerir alimentos sólidos, com certeza irá ganhar peso.

Consumo adequado de fibras

VERDADE: A fibra é um nutriente que não é absorvido e nem fornece calorias para o organismo, e é capaz de promover saciedade, ou seja, você vai se sentir saciado mais rapidamente e por um período mais prolongado. Além disso, as fibras reduzem a absorção de carboidratos e gorduras, auxiliando no controle das concentrações sanguíneas de glicose, triglicérides e colesterol. O consumo de fibra na quantidade adequada, associado a ingestão hídrica, também ajudam a regularizar o transito intestinal.

Recomenda-se o consumo de aproximadamente 30 gramas de fibras por dia. Mas cuidado, o consumo de quantidades muito elevadas deste nutriente pode ocasionar diversos efeitos colaterais, como flatulência e diarréia. Geralmente para a população brasileira, o consumo de 3 a 5 porções de frutas associadas a 4 a 5 porções de verduras e legumes no dia são importantes para se alcançar as recomendações propostas pelos órgãos de saúde.

Grandes Períodos em Jejum

MITO: Pular refeições é um é um grande erro que a maioria das pessoas cometem sem saber. Geralmente as pessoas, pensam que pular refeições significa ingerir menos calorias. ENTRETANTO, preste muita atenção: quando ficamos um período prolongado de jejum, ocorrem algumas alterações hormonais em nosso organismo que nos levam a armazenar mais nutrientes na forma de gordura quando realizarmos as próximas refeições.

Somado a isso, grandes períodos sem se alimentar indicam fome excessiva na próxima refeição, o que com certeza irá te conduzir ao consumo excessivo nas próximas refeições.

Redução no tamanho das porções

VERDADE: Reduzir o tamanho das porções é uma estratégia adequada e saudável para aqueles que desejam reduzir peso, principalmente quando você for se alimentar em restaurantes.

Geralmente as porções destes locais são grandes e generosas. Por isso, não sinta que você deve comer tudo o que foi servido. Aí está um grande segredo: auto-controle. É muito importante que para a perda de peso você aprenda a consumir apenas o necessário para a sua necessidade energética diária, e não a quantidade servida no seu prato.

Comer antes do exercício

VERDADE: Nada de ir treinar sem se alimentar para perder peso. Em se falando de exercício físico, se alimentar adequadamente antes do treino é fundamental para o seu bom desempenho e rendimento, o que ira contribuir para um maior gasto energético durante a sua sessão de treinamento. Geralmente recomenda-se alimentos fontes de carboidratos,  mas isso não significa doces, ok?

Dieta da proteína

MITO: Começar uma dieta na qual a quantidade de proteínas é liberada não é algo saudável. Isso porque o consumo excessivo de proteína pode levar a diversas complicações, como exemplo, um comprometimento da função renal. Além disso, geralmente alimentos fontes de proteínas são acompanhados por grandes quantidades de gorduras.

Quer mais um motivo para não se engajar nesse tipo de dieta??? Dieta da proteína significa dieta sem carboidrato. Como já comentamos em outras vezes, isso pode comprometer a sua disposição física e mental, além de favorecer uma redução de massa muscular.

Entretanto, é importante pontuar que o consumo de proteínas nas quantidades adequadas é importante para se estimular a saciedade. Por isso, dieta sem proteína também não deve ser ralizada.

Consumo de alimentos diet

MITO: Consumir alimentos diet não significa consumir menos calorias. Alimento diet é definido como aquele no qual algum nutriente específico (carboidrato, açúcar, sal, lactose ou gordura) é retirado de sua composição.  São recomendados para pessoas que possuem algum distúrbio de metabolismo, como por exemplo, portadores de diabetes, hipertensão, etc.

Entretanto, a ausência de um determinado nutriente pode significar aumento de outro. Muitas vezes a indústria alimentícia precisa adicionar maior quantidade de gorduras em um alimento em que se retira o açúcar, afim de se manter a palatabilidade do alimento. Isso muitas vezes, pode inclusive significar um saldo maior de calorias.

Uso de diuréticos

MITO: o consumo indiscriminado de diuréticos pode comprometer de forma grave o seu estado de hidratação e promover distúrbios hidroeletrolíticos. Além disso, o peso perdido será apenas relativo a água perdida, e não vai resolver seu problema. O importante é que se perda massa gorda, ou seja, gordura corporal, o que apenas uma alimentação adequada e exercício físico podem contribuir.

Uso de laxantes

MITO: O uso indiscriminado de laxantes é um erro grave para aqueles que buscam perder peso. O uso deste artificio compromete a absorção intestinal de nutrientes importantes em nosso corpo, comprometendo o estado nutricional e as funções orgânicas essenciais do nosso corpo.

Consumo de cubos de gelo

MITO: O consumo de cubos de gelo para perda de peso não é comprovado e não é o segredo para o emagrecimento. Alguns dizem que essa estratégia pode ajudar o organismo a queimar calorias, mas não é uma quantidade suficiente para levar a perda de peso significante. Não existem estudos científicos que comprovem a associação entre o consumo de gelo ea redução de peso.

Consumo de chá verde?

MITO: O consumo de chá verde após as refeições para promover a perda de peso não é confirmada em humanos. Alguns estudos em animais relatam melhora do gasto energético em animais que consumiram chá verde. Entretanto, as quantidades de sua ingestão são elevadíssimas e não são confirmadas em estudos clínicos com humanos.

Consumo de barra de cereal?

MITO: O consumo apenas de barra de cereal não é suficiente para promover a perda de peso. Muito pelo contrário. O conceito de que temos é que a barrinha de cereal é uma ótima fonte de fibras. Puro engano!! É muito importante que você leia o rótulo atentamente antes de acreditar nisso, porque existem alguns tipos que não possuem fibras em sua composição. Além disso, o consumo de barra de cereal deve ser feito em substituição a algum carboidrato, como biscoitos e pães.

Consumo de shakes

PARCIALMENTE VERDADE: A famosa substituição de refeições por substitutos alimentares podem sim levar a perda de peso. Entretanto, isso não é uma prática sustentada por longos períodos, uma vez que é muito comum que as pessoas acabem enjoando do shake sabor morango, chocolate e baunilha todos os dias. Por isso, é extremamente importante, que esta estratégia seja adotada sob orientação de um profissional nutricionista.

Dieta sem Carboidratos (Low-Carb Diet)

MITO: Uma alimentação sem carboidratos irá prejudicar e muito a sua qualidade de vida e o seu organismo. Os carboidratos são macronutrientes essenciais para nos fornecer energia, e devem corresponder de 45 a 60% do total de calorias provenientes da alimentação. O consumo de uma dieta pobre em carboidratos induz a perda de peso a custa da perda de massa muscular e de água, o que pode levar a uma séria desidratação e reduzir o metabolismo do corpo.

As dietas precisam de orientações nutricionais. Não acredite em dietas milagrosas.


//Artigos relacionados